15 julho 2011

RUAS OUTONAIS


Caminho por ruas outonais,
vejo pessoas apressadas,
pessoas estranhas...
pessoas sonolentas...
pessoas tristes...
pessoas...
Procuro por felicidade,
amor,
companheirismo,
carinho,
amizade...
Vejo apenas semblantes compenetrados,
atarefados,
desgastados,
e de uma tristeza infinita,
como se não quisessem estar ali...
Como se procurassem respostas às suas dúvidas...
Como se procurassem a PAZ...

by Mylla Galvão

E PENSAR QUE...

E pensar que um dia eu acreditei que era possível que você me aceitasse, não como mãe, pois que já tinhas uma... Talvez como amiga,...