Google+ Followers

17 dezembro 2012

O BEIJO

beijo molhado,
beijo de língua,
beijo de esquimó...
o roçar dos lábios...
na pele do corpo,
nas dobras dos membros
no pescoço
no rosto...
o contato dos lábios
as línguas que se enroscam
os olhos que se fecham
os pensamentos que voam...
o beijo...
o amor
o ódio
a vingança
e novamente o amor...
porque o beijo apaga 
tudo de ruim
que vai pelo coração
e deixa
apenas o amor.
O beijo...

by Mylla Galvão

10 novembro 2012

ESCURIDÃO


Se me pedissem para escolher uma rosa hoje...
eu escolheria negra.
Porque negro está meu coração.
Triste e obscuro...
Me vejo presa em um quarto escuro,
sentada em um canto,
com a cabeça nas mãos a
cismar...
não enxergo o futuro,
apenas o presente
e até ele está escuro...
quase nem vejo minhas mãos...
agora a escuridão me abraça,
me envolve...
me adormece...
me faz deixar de ser eu...

by Mylla Galvão

04 novembro 2012

SUA VIDA


Olhe esse dente de leão aí...
solta pequenas sementes
que são levadas pelo vento...
vão gerar novas plantas,
que gerarão outras e outras...
Num ciclo constante...
Olhe para trás
veja o que foi a sua vida,
veja o que você aprendeu
quantos tombos você levou
quantas vezes você levantou...
ou foi levantado.
Não importa...
O importante é que você 
seguiu em frente...
Agora observe o seu presente:
o que você assimilou até agora?
o que aprendeu de novo?
o que entrou de novo em sua vida?
foi bom?
foi ruim?
Em que posso melhorar?
Como posso construir o meu futuro?
Você já parou para pensar nisso?
O SEU FUTURO?
Com dinheiro?
sem dinheiro?
o importante é o amor, o carinho, a compreensão...
o importante nisso tudo é você!!!

by Mylla Galvão

31 outubro 2012

O SACI...


Olha o saci aí...
trançou o rabo do cavalo,
colocou sal no café
fez o viajante perder-se
queimou o feijão da cozinheira...
eta saci danado!
quer pegá-lo de jeito?
tira-lhe o gorro da cabeça
que ele perde seus poderes...
prenda-o debaixo de uma peneira
com uma cruz por cima...
É o diabo esse menino!
faz travessuras sem fim...
Mas como hoje é seu dia,
pode reinar enfim!

by Mylla Galvão

31 de outubro - Dia do Saci!!!



26 outubro 2012

VAI UM CAFÉ AÍ?



Vai um café aí?
um café com gosto de roça,
feito no fogão a lenha,
e gostinho de rapadura?
Vai um café aí?
um café feito com amor
e adoçado com carinho e alegria?
Vai um café aí?
um café feito para amarrar o amor,
coado na calcinha...
e adoçado com mel?
Vai um café aí?
um café bem amargo...
para curar bebedeira de amor,
de alegria ou de tristeza?
De qualquer forma que o café vier,
se chegar com doses de amor e carinho
será servido com alegria!
Vai um café aí?

by Mylla Galvão

11 setembro 2012

FASCÍNIO DA RUA!!!


Minha janela da para a rua...
tenho dois gatos.
um negro como a noite,
e outro rajado de amarelo...
o negro morre de medo de tudo...
dos carros, do barulho, das pessoas...
Mas sua curiosidade venceu-lhe
e apoiado no sofá,
ele "espia" a rua...
encanta-se com tudo: com o
canto dos passarinhos, com a 
buzinas dos carros...
O rajado já e mais comodista,
adora a janela...
basta que eu a abra,
para refestelar-se com gosto!
lambe-se todo para mostrar
aos outros seu asseio...
esfrega as patas no rosto meticulosamente
e depois do banho matinal,
observa com posição de ataque... 
os belos pardais, as maritacas
da rua...
Qual o fascínio dos gatos pela rua?

by Mylla Galvão

22 agosto 2012

03 julho 2012

CARTA PARA A LUA...



Ó lua...
sinto falta de teus raios frios...
sinto falta de tua necessidade
sinto falta de teu olhar de prata
sobre mim...
não vejo mais sua sombra
na altura da janela
a lançar teus raios 
sobre meus pensamentos
não acaricias mais 
meus cabelos,
não esfrias mais minhas mãos
as noites sem você
é um imenso vazio...
sinto saudades do tempo em 
andávamos enamoradas
e vinhas me visitar toda noite...
quando chegavas
sentia-me completa...
seus beijos gélidos
acariciavam-me o corpo,
e açucaravam-me os lábios...
sinto falta de ti lua...
sinto um imenso vazio na alma...
sem você...
volte!
volte para dentro de mim...
sua luz de prata faz muita falta dentro de mim!

by Mylla Galvão

25 junho 2012

DOSES DE AMOR


estão faltando doses de amor 
por aqui...
talvez se déssemos uma dose duplicada,
a cada oito horas
sanaríamos o problema...
Ou talvez se descobríssemos a 
razão da falta de amor...
Talvez não seja a falta de amor...
Talvez fosse excesso de amor...
Ou talvez ainda... 
a falta do amor de mãe...
Mas uma MÃE...
não qualquer uma...
não uma vira-lata
que só se preocupa com os filhos
quando a cara está cheia...
a saudade só aparece quando
brilha no fundo do 
copo de cachaça...
doses de amor...
para mostrar o lado obscuro 
da vida...
para levantar o véu da hipocrisia
e mostrar a verdade...
nua e crua...
mostrar como a vida pode ser
cruel, sem doses de amor...
Alguém tem alguma dose aí?

by Mylla Galvão

18 junho 2012

POR ONDE ANDO?



por onde ando?
ultimamente por pesados caminhos
por pedras e pedregulhos,
por cima de vidros pontiagudos,
espinhos traiçoeiros...
outrora talvez eu vislumbre
um campo coberto de flores...
pétalas carminadas pelo chão,
ou ainda fofas penas...
agora...
meu grito anda preso na garganta,
meus cabelos caem em tufos,
ranjo os dentes de puro nervosismo...
talvez eu esteja andado contra o vento,
"sem lenço e sem documento"
por caminhos errados até...
mas é por este andar
que eu pretendo levar minha vida...
eu queria mesmo era ir para um
lugar deserto,
onde ninguém habita e 
poder gritar e gritar...
até ficar rouca...
e ninguém me taxar de louca!

by Mylla Galvão

13 junho 2012

AMOR


Amor... te dei meu coração,
para você colocar junto do teu
e junto com mais quatro coraçõezinhos
formaremos uma linda família...
Se Deus permitir,
faremos mais um coração...
para tornar nossa família 
mais feliz ainda...

by Mylla Galvão

19 maio 2012

MEU CAMINHO

caminho...
tão áspero e tristonho
conto as tábuas de meu caminho
são nodosas e estreitas...
largas e gastas...
mas é meu caminho...
cansativo,
cheio de obstáculos
mas é meu caminho...
não conheço sua direção
e nem por onde vai,
mas caminho por ele...
não sei onde vou chegar
nem sei se estou no meio ou no fim
mas é meu caminho...
já verti lágrimas por ele
sorrisos por ele
pensamentos tristes e alegres
mas é meu caminho...
Recebi-o das mãos de Deus ao nascer
e agora caminho por ele
para ver a minha vida se desenrolar...

by Mylla Galvão

12 maio 2012

FRANCISCA...


Mãe... 
palavra tão pequena,
mas de grande significado...
em seu colo escutei as primeiras 
palavras de amor...
no seu regaço encontrei refúgio 
para minhas dores,
meus medos, 
em teus braços senti segurança.

Mãe...
Você me nomeou.
escolheu meu nome com carinho...
E foi o teu nome que falei primeiro...
Hoje, dentro do meu peito
saudades imensas eu sinto...
saudades de teu peito de leite doce,
saudades de teu colo,
saudades de teu regaço...
de te apertar nos braços,
beijar tua face e dizer:

TE AMO MÃE...

by Mylla Galvão

17 abril 2012

MEDO



já sentistes medo alguma vez em tua vida?
medo mesmo?
daqueles de suar frio,
palpitar teu coração freneticamente?
já percebeste o medo rondando a ti?
procurando-te pelas frestas das paredes,
das janelas, da alma?
um medo frenético, de tremer-te as mãos?
já procurastes o real sentido do medo?
sabes o que é o medo?

by Mylla Galvão

11 abril 2012

SOLIDÃO



Solidão...
Te trago comigo em meu peito,
quando preciso de ti, 
estás sempre ao meu lado,
virastes companheira, 
virastes confidente, virastes amiga...
Solidão...
Não te tenho por dor,
mas por amor... 
É a você que procuro quando quero desabafar,
você me entende... 
Compreende...
Você & eu...
 Um único EU...

By Mylla Galvão

05 abril 2012

NÃO VALE A PENA...


ando por becos escuros...
dentro de mim uma sensação de impotência,
no meu coração desilusão,
angústia e tristeza...
tapados pela máscara da alegria...
um belo sorriso, um abraço afetuoso,
um beijo caloroso...
mas por dentro de mim apenas um vazio extremo...
as lágrimas que hora rolam por aqui, 
já não tem mais destino...
já não ferem mais ninguém...
sou só tristeza...
sou só desilusão...
não vale a pena amar...
não vale a pena se entregar...
estou cansada de tudo...
da vida que eu levo,
dos erros que carrego,
do amor que mora aqui dentro...
de que adianta amar?
em meu peito apenas dor...
e tristezas...

by Mylla Galvão

01 abril 2012

SAUDADES DEMAIS...


nem fostes ainda e estamos aqui
sentindo já, imensas saudades...
saudades de suas palavras carinhosas,
de suas palavras doces...
saudades de sua energia de viver...
eu vi um brilho intenso em seus olhos...
"será que ele não vem se despedir de mim?
será que ele não terá coragem?"
estou com saudades até de suas ranzinices de mãe!
saudades de suas chamadas duras, mas verdadeiras...
pra mim agistes como minha mãe... 
uma segunda mãe...
tenho saudades de teus quitutes...
depois que ele se foi...
perdestes um pouco de sua alegria.
E talvez naquela imensa casa,
cheia de lembranças dele,
a saudade tenha apertado ainda mais...
tivestes a bravura de lutar pela vida.
tivestes humildade acima de tudo!
E ontem, vendo-a naquele estado último da vida,
tudo me voltou a mente.
os tempos alegres da minha infância...
éramos felizes e não sabíamos...

by Mylla Galvão

13 março 2012

OLHANDO PRA DENTRO DE MIM...


Olhando para dentro de mim,
vejo imensa dor...
transcende pelos poros,
pelos gestos e pelo olhar...
vejo o mar quebrando com violência,
vejo pedras pontiagudas e aguçadas...
vejo rosas despetaladas e pisadas
vejo um coração amarfanhado e triste
vejo uma imensa solidão
vejo lágrimas represadas 
em constante turbilhão
vejo meus olhos tristes...
vejo apenas solidão...

by Mylla Galvão

03 março 2012

AMOR... VERDADEIRO AMOR...



No meio do caminho, deixei meu amor
meu grande amor de adolescente.
tombos
quedas
erguidas...
pelas  minhas mãos
pelas mãos dos outros
pelas mãos dos amigos
Mas segui em frente...
desilusões
tristezas
perdas...
amigos que se foram
parentes
meu pai...
minha mãe...
perdas maiores
E no meio desse caminho
encontrei o meu grande amor,
amor de outras vidas...
amor maduro,
amor construído
tijolo a tijolo...
Amor... verdadeiro amor...

by Mylla Galvão

22 fevereiro 2012

FIM DE FESTA...


Acabou a folia
mas não a alegria...
agora é pegar no batente,
esquecer o passado
e seguir em frente...
E o eterno pierrot
ficará sem sua colombina
até o carnaval seguinte...
as ruas emudecem,
perdem o brilho,
para se revestirem de verde...
Até o ano que vem...

by Mylla Galvão

16 fevereiro 2012

AMOR DE CARNAVAL


Amor de Carnaval...
dura os dias de folia,
os beijos são afoitos
os abraços intensos
as juras eternas...
o enlace dura pouco,
é preciso aproveitar
as músicas, as bebidas e a folia...
E quando tudo termina 
na quarta-feira de cinzas,
resta apenas o sabor e o amargor
do amor de Carnaval...


by Mylla Galvão

07 fevereiro 2012

FESTA DAS FADAS...



Noites enluaradas,
Matas verdejantes,
um perfume doce no ar...
e as clareiras de bosques e florestas
se enchem de pequenas fadas,
duendes e gnomos...
É festa na floresta!
Luzes de pirilampos,
néctar das flores a embriagar...
As fadas e gnomos a bailar...
Festa do amor,
Festa da amizade...
Festa... Festa...

by Mylla Galvão

Homenagem a minha amiga Syssim.

18 janeiro 2012

MEU ANJO...


Meu anjo...
 onde estás que não responde?
venho te procurando 
noite afora...
piso e repiso em seus passos...
procuro em meio a multidão,
mas seu rosto não se 
sobressai entre eles.
procuro-te em meio às crianças,
mas também não estás...
Acho-te em meio a escuridão, 
a guiar entes frágeis em
meio a solidão...

by Mylla Galvão



06 janeiro 2012

ZEUS


gatinho preto do meu coração,
onde estás, que não te vejo mais não?
saudade de te embalar no colo,
de te acariciar teu pelo macio,
de te apertar como tu gostas...
saudade do teu miado 
na porta pelas madrugadas,
saudade da teu afago 
em minhas pernas, 
do seu miado pela ração,
querendo beber água na pia do banheiro...
saudades... Zeus... saudades...

by Mylla Galvão

Meu gato sumiu desde segunda dia 02/01... E até agora, nenhuma notícia dele...