01 abril 2012

SAUDADES DEMAIS...


nem fostes ainda e estamos aqui
sentindo já, imensas saudades...
saudades de suas palavras carinhosas,
de suas palavras doces...
saudades de sua energia de viver...
eu vi um brilho intenso em seus olhos...
"será que ele não vem se despedir de mim?
será que ele não terá coragem?"
estou com saudades até de suas ranzinices de mãe!
saudades de suas chamadas duras, mas verdadeiras...
pra mim agistes como minha mãe... 
uma segunda mãe...
tenho saudades de teus quitutes...
depois que ele se foi...
perdestes um pouco de sua alegria.
E talvez naquela imensa casa,
cheia de lembranças dele,
a saudade tenha apertado ainda mais...
tivestes a bravura de lutar pela vida.
tivestes humildade acima de tudo!
E ontem, vendo-a naquele estado último da vida,
tudo me voltou a mente.
os tempos alegres da minha infância...
éramos felizes e não sabíamos...

by Mylla Galvão

E PENSAR QUE...

E pensar que um dia eu acreditei que era possível que você me aceitasse, não como mãe, pois que já tinhas uma... Talvez como amiga,...